Escravos do Mundo Livre

Esteta ou Asceta? Nada disso, no fundo: Divagações de um pateta...

domingo, 29 de abril de 2007

Comemorando a volta do Rage Against The Machine!!!

Calmo como uma bomba
Acenda, acenda, acenda, acenda...


Desde que conheci o RATM, ele sempre embalou meus sonhos de uma sociedade mais justa, mais sincera, mais humana. Romantismo barato e pieguice à parte, só de cuspir umas afrontas na cara do Tio Sam, coisa rara no meio musical, já me confortava a alma colonizada. Sua música é de uma explosão colérica, que faz acordar qualquer morto, faz abrir os olhos para a falta de conteúdo contestador das baladinhas de FM. Sei que é utopia, mas seus riffs são artilharia pesada pra qualquer revolução. Como não se impressionar com berros desta magnitude:

Na luz certa, estudo se torna sabedoria
Mas o sistema que nos pariu
Nos ensina a ler e escrever
Então chamou os fatos de fraude
Eles querem que a gente alegue e prometa
E que a gente se curve pro Deus deles
Perdida a cultura, cultura perdida
Girar as nossas mentes através do tempo
Ignorância tomou o poder
Cara, a gente tem que retomar o poder!
(Take the Power Back)

Lindo, não? Quão doce pode ser a rebeldia adolescente!


Um mundo melhor, um mundo livre...
Isso tem que começar em algum lugar, isso tem que começar em algum momento.
Que lugar melhor que aqui? Que tempo melhor que agora?

0 Comments:

Postar um comentário

A verdade dói, mas quem sabe eu ñ sou masoquista? Diz aí:

Links to this post:

Criar um link

<< Home