Escravos do Mundo Livre

Esteta ou Asceta? Nada disso, no fundo: Divagações de um pateta...

domingo, 28 de abril de 2013

Filho do Pato



Ei Felipe, você está com quantos anos agora? 47? 71? Isso importa? Acho que não, o importante é que você veio se lembrar de algumas coisas ou se divertir com vida maravilhosa que você levava...

Muitas coisas têm acontecido, e só quando se para pra escrever assim (ou ler, seu caso) é que se dá conta. Agora mesmo estou terminando a declaração do IRPF 2013. Declarando suas dezenas de ações, que certamente nesse momento serão dezenas de milhares! rs Lembra-se que você achava que ia ficar rico poupando e investindo em ações ou outras aplicações financeiras? Já se passaram dois anos e cinco meses e nada! rs Mas o patrimônio tem crescido, e faz um tempinho que já deu pra perceber que não existe mágica.

Por falar em mágica, nesse momento você está bem ou totalmente insano? Os meus pensamentos mágicos estão fortes como nunca, acho que estou começando a ficar louco, ou pelo menos já sei como serão meus sintomas/visões futuras! No lugar de carneirinhos, o que sempre embala meu sono são aqueles pensamentos de senhor do mundo! rs Ou o do bilhete premiado que me deixará riquíssimo. Tem o dos clones, meus duplos, que ficarão estudando diuturnamente, escutando música, compondo, escrevendo, ganhando dinheiro e tudo isso ligado a mim, que sentirei os imensos prazeres gerados por isso. Mulheres num estalar de dedos, invisibilidade, deslocamento através de paredes, convivência com meus maiores ídolos vivos e talvez até com os mortos por conta de minha capacidade de viagem no tempo, etc... Me sinto mal de ser essa a minha reza pela noite e as vezes até pela manhã, mas como é sempre na cama que isso ocorre, e que tem trazido o meu soninho, paciência, se não for a minha entrada na loucura, será apenas mais um caso divertido e uma forma de ver que a vida não é assim.

E como ela é? É lá no BB? É lá na festa do Mauro, dançando e bebendo? Ou é a dor de cabeça do dia seguinte? É esse download que acaba de terminar da Adriana Partimpim? É essa manhã fria e linda que está atrás dessa janela lateral? É tudo ao mesmo tempo. Quantas coisas acontecem e eu não vejo, dentro e fora de mim.

É o Crime do Padre Amaro que está me deliciando. O argumento excelente, embora pudesse ter rendido mais dos Clãs da Lua de Alfa. O Pura - Till det som är vackert, que descreveu meu amor pela música e pelo meu universo paralelo encantado! Acho q vou falar um pouco dos filmes e músicas no próximo post....

Nesses últimos meses um pequeno cidadão tem me chamando de Papai Chiipe Da Data doze, ou Papai Chilipe Batatadoce, ou Papai Xiipe Tatadadouce. Ele cresce e é lindo. Ele tem feito manhas e artimanhas. Ele é você que está lendo. Ele viverá num mundo melhor, existe mundo melhor que esse? Ele está na escola. O que ele aprende lá? O que eu aprendi lá? Ah... como nós temos nos divertido ouvindo e dançando A História de uma gata! E o Chico Buarque, como está? Preservaram ele criogenicamente? Já fizeram um clone dele? Isso seria muito importante pra humanidade!

Trilha sonora: Sabbra Cadabra - Hed(pe), Little Johnny Hooker - Grand Funk Railroad, Filho do Pato - Tom Zé e Márcia Castro

Como eu já me senti com Tom Zé, com Sepultura, com Engenheiros do Hawaii, com Moska e Bach...

0 Comments:

Postar um comentário

A verdade dói, mas quem sabe eu ñ sou masoquista? Diz aí:

Links to this post:

Criar um link

<< Home